PORTES GRÁTIS A PARTIR DE 30€

Diabetes - Quais os sintomas e como prevenir!

Escrito em 14 de Nov. de 2019

Diabetes - Quais os sintomas e como prevenir!

A Diabetes é um problema de saúde pública que resulta, muitas vezes, da forma como as pessoas vivem e dos hábitos que têm. Como reporta a Organização Mundial de Saúde (OMS), a incidência da doença tem vindo a aumentar. Em 2010, cerca de 34,9% da população portuguesa entre os 20 e os 79 anos apresentava Diabetes ou pré-diabetes e cerca de 43,6% dos casos não estavam diagnosticados.

A Diabetes é responsável por várias complicações que diminuem a qualidade de vida, podendo provocar a morte precoce. É uma doença que não tem cura. No entanto, o avanço nos tratamentos e a compreensão da doença permitem aos diabéticos levar uma vida praticamente normal. Muitas vezes, o cuidado com a alimentação e a prática regular de exercício físico são suficientes para evitar a doença ou para a manter controlada.

Na verdade, existem três tipos de Diabetes: tipo 1, tipo 2 e diabetes gestacional. A maioria das pessoas possui Diabetes do tipo 2, que ocorre quando o corpo não usa bem a insulina e não consegue manter o nível de açúcar no sangue estável, de acordo com o CDC.

Já o Diabetes do tipo 1 é muito menos comum – apenas cerca de 5% dos diabéticos o têm. Trata-se essencialmente de uma doença auto-imune em que o corpo deixa de produzir insulina (e, como tal, não consegue regular o açúcar no sangue).

E a Diabetes Gestacional ocorre em mulheres grávidas. Regra geral a patologia desaparece após o parto, mas pode aumentar a probabilidade de desenvolver o tipo 2 mais tarde, de acordo com o National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases (NIDDK).

Todos os três tipos de diabetes podem ser facilmente detetados através de um exame de sangue. O teste, essencialmente, verifica se a glicose na corrente sanguínea (também conhecida como açúcar no sangue) está excessivamente alta.

“Infelizmente, muitas pessoas têm diabetes ou pré-diabetes não diagnosticados. Isso porque os sintomas são super-subtis”, afirmou Poorani Goundan, endocrinologista do Boston Medical Center (EUA), em entrevista ao canal de televisão CNN.

Eis os principais sintomas de Diabetes:

  • Está constantemente com vontade de fazer xixi:

“Quando há açúcar a mais na corrente sanguínea, o corpo instintivamente tenta livrar-se desse excesso”, explicou Mary Vouyiouklis Kellis, endocrinologista da Cleveland Clinic (EUA), também à CNN. “A água segue o açúcar, então acaba por ter uma grande perda de urina”, completa.

  • Não para de beber água:

Ao urinar constantemente, a desidratação é uma possibilidade muito real. E, para piorar a situação, “alguns pacientes que não sabem que têm diabetes saciam a sede com bebidas açucaradas como refrigerantes ou sumos, o que por sua vez aumenta o açúcar no sangue”, diz Goundan. Os sinais de desidratação incluem urina de cor escura, perda de peso e sede extrema.

  • Sofre de mau hálito:

A desidratação relacionada à Diabetes contribui para a secura da boca e para o mau hálito que pode acompanhá-la. “Afinal, com a boca seca, não há cuspo suficiente para lavar as bactérias e equilibrar o pH da boca”, salienta Kellis.

Adicionalmente, a Diabetes não diagnosticada ou descontrolada pode gerar cetose. Trata-se de um processo no qual o corpo usa a gordura, em vez de glicose, como energia. “A cetose liberta um subproduto químico chamado cetonas, que pode fazer com que o hálito cheire extremamente mal ou que tenha um aroma doce ou frutado”, diz. Às vezes pode até cheirar a acetona, já que é um tipo de cetona.

  • Sente os pés e as mãos dormentes:

Neuropatia – uma condição caracterizada por dormência ou sensações estranhas, como alfinetes e agulhas nos braços, pernas, mãos e pés – ocorre em mais da metade das pessoas com Diabetes tipo 2, de acordo com uma revisão do periódico Diabetes Care 2017.

“A Diabetes reduz o fluxo sanguíneo para as extremidades e, ao longo do tempo, danifica os vasos sanguíneos e nervosos”, diz Kellis.

  • A sua visão está cada vez mais turva:

A visão turva é um sintoma comum e frequentemente ignorado sobretudo nas mulheres. O que a diabetes tem a ver com a visão? Kellis explica que pode formar-se um fluido na lente do olho quando os níveis de açúcar aumentam. Esse fluido pode ‘borrar’ a visão, causar miopia e a necessidade de usar óculos ou lentes de contacto. “Felizmente, controlar os níveis de açúcar no sangue faz com que a visão turva volte gradualmente ao normal”, acrescenta.

 

Como prevenir a Diabetes?

Comer determinados alimentos ricos em fibra é extremamente importante especialmente para os indivíduos que têm parentes próximos com diabetes porque apesar de não ter cura, o diabetes pode ser prevenido através da prática de uma dieta saudável e de exercício físico. 

Alguns alimentos que previnem a diabetes, de acordo com a publicação especializada Medical Daily:

  • Aveia - A quantidade de fibras presente nesse alimento ajuda a manter estável o nível de glicose no sangue;
  • Amendoins - Possuem um baixo índice glicémico, que ajuda a prevenir a diabetes;
  • Azeite - Está repleto de antioxidantes que ajudam a combater o colesterol e a diabetes;
  • Trigo integral - Esse alimento é rico em vitaminas do complexo B e fibra, que previnem o colesterol e melhoram a curva glicémica da refeição;
  • Soja - É um alimento rico em proteínas, fibras e hidratos de carbono, prevenindo doenças cardiovasculares. Por ter um baixo nível glicémico, ajuda a prevenir a diabetes também.

Além de comer os alimentos certos é importante seguir algumas orientações gerais como comer de três em três horas, evitar refeições muito grandes, manter um peso ideal e praticar exercício físico regularmente.

Se acha que pode estar a sofrer de diabetes não hesite em contactar um médico. 

 


×